Na última segunda-feira, dia 02, o senhor Ireno Finkler fez uso do espaço da Tribuna Popular para enaltecer o seu objetivo, que é fortalecer a cultura em Vale do Sol. Ele é autor do livro: A História da Emancipação de Vale do Sol. Citou que este livro é o resultado de um trabalho realizado há mais de 28 anos, quando foi dada a largada para o processo de emancipação. Informou que o próximo livro que irá lançar terá o título: A História Política e Administrativa de Vale do Sol – antes e depois da Emancipação. Mencionou que precisamos resgatar o nosso passado, para conhecermos a nossa história e buscar, assim, um futuro melhor.

Finkler ressaltou que, com a emancipação de Vale do Sol, houve muitas melhorias para a comunidade, no entanto, a parte cultural não progrediu como deveria. Solicitou que as ações culturais e de turismo sejam valorizadas.

Na sua fala citou que está na hora dos poderes municipais, Executivo e Legislativo, tomarem consciência e buscarem resolver a escritura da doação realizada pela comunidade Evangélica, há 13 anos, para a instalação de um museu onde funcionava a última escola comunitária, chamada Osvaldo Cruz. Lamentou que devido a essa irregularidade não conseguem captar recursos e dar andamento ao museu, a Casa dos Seis Povos e a construção da linha do tempo. “O museu é muito importante para guardarmos a nossa história, sendo que um pouco já se perdeu, e precisamos recuperar o que ainda é possível” citou.

Em seguida, informou que em Faxinal de Dentro construíram cinco abrigos nas paradas de ônibus com formato de “v”, que simboliza uma pessoa de braços abertos e, ao mesmo tempo, um vale e o sol. Solicitou que seja escrito nestes locais: “Visite o roteiro turístico de Vale do Sol”. Entretanto, lamentou que ainda não foi criado um roteiro turístico no Município. Em maio deste ano, a Associação Pró-Cultura Vale do Sol encaminhou uma sugestão de projeto para ser implementado com o título: Viajando pela memória histórica e turística de Vale do Sol. Informou que nesse projeto foram propostos 50 marcos históricos e turísticos do Município e até hoje não receberam nenhuma resposta sobre essa iniciativa.

Citou que a criação de Vale do Sol teve a participação de todos os partidos políticos da época e nunca imaginou que hoje a Administração Pública seria a maior empresa do Município. Por essas razões, solicitou apoio para o desenvolvimento da cultura e do turismo municipal.

Em seguida, representando a bancada do PP, o vereador Leonir Scherer, parabenizou o senhor Ireno Finkler pela sua dedicação para a publicação do livro sobre a emancipação, pois quem ainda não conhece essa parte da história poderá conhecer por meio do livro.

Scherer afirmou que o Município apoia e está comprometido com a Associação Pró-Cultura Vale do Sol e outras entidades que procuram incentivos para fomentar a cultura. Já referente ao turismo, o vereador acredita que é necessário criar, primeiramente, um conselho na área para possibilitar a inscrição do Município em programas estaduais e federais.  Mencionou que irá verificar o andamento do projeto apresentado pela Associação. Já a ideia de acrescentar a frase “Visite o roteiro turístico de Vale do Sol” nos abrigos é muito válida, inclusive já era um planejamento do atual governo de investir em pórticos para o Município, no entanto, como todos sabem, estamos passando por anos financeiramente complicados e estes tipos de investimentos ficam mais difíceis de serem realizados. Para finalizar, o vereador afirmou que todos devem trabalhar unidos por Vale do Sol, independente de sigla partidária.  

O vereador Luiz Carlos Grade também parabenizou o trabalho realizado pela emancipação de Vale do Sol, resgatando a nossa história e promovendo a cultura.

Já o vereador Márcio Bringmann parabenizou o Sr. Ireno pelo seu livro, afirmando que já leu boa parte e ficou muito feliz em ver nele a foto dos vereadores, a qual foi tirada na sessão realizada, no último ano, na Casa dos Seis Povos.

Sobre o apoio à cultura no Município, a vereadora Gertrudes Margit Melchior afirmou que já vê muitas melhorias e outras ainda a serem realizadas. Destacou que é uma admiradora da cultura alemã, origem dos seus antepassados, e faz o possível para preservá-la.

Por fim, o vereador Alexandre da Mota informou que esteve conversando com a Secretária de Educação Deisi dos Santos para elaborar um projeto voltado à parte da cultura para ser encaminhado ao Governo do Estado. Agradeceu ao Sr. Ireno Finkler por ter lutado pela emancipação de Vale do Sol e por tudo que fez por ele.